Urso polar e água-viva estão entre bichos mais mortíferos do planeta.

Dequem você tem medo?



O urso Knut pode ser uma gracinha, mas está entre os animais mais letais do mundo. Uma lista elaborada pelo site "LiveScience" mostra que os ursos polares, assim como sapos, águas-vivas e búfalos são bichos com os quais precisamos ter muito cuidado.

Famoso nas telas de cinema, o tubarão-branco perde para um minúsculo concorrente: o mosquito, que, segundo o site, é o animal mais letal do planeta. Alguns insetos da família Culicidae podem não ser páreo para os humanos no tamanho, mas nos derrubam com uma simples picada. É o caso do Anopheles gambiae, transmissor da malária.

Já a naja, segunda colocada, pode não ter o veneno mais mortífero entre todas as cobras, mas é a que mais causa óbitos todos os anos.

A terceira espécie é a água-viva conhecida como vespa-do-mar (Chironex fleckeri), comum na Austrália. Em cada tentáculo, ela possui veneno capaz de matar 60 pessoas - seis vezes mais potente do que o veneno do último colocado, o sapo conhecido como flecha-venenosa (entre outros nomes comuns à família Dendrobatidae, especialmente o Phyllobates terribilis).

Os outros animais do ranking vencem a batalha pela força. É o caso do tubarão-branco, do leão e do urso polar.

Confira a lista:

1 - Mosquito

2 - Naja

3 - Vespa-do-mar australiana

4 - Tubarão-branco

5 - Leão

6 - Crocodilo de água salgada da Austrália

7 - Elefante

8 - Urso Polar

9 - Búfalo

10 - Sapo venenoso

Fonte: Folha Online